Notícias

Artigos

27 de agosto de 2020

Miel Gibson e os limites de uso do nome próprio

Mel Gibson virou um dos assuntos mais comentados da semana, por um motivo um tanto inusitado: uma produtora de mel chilena batizou um de seus produtos de “MIEL GIBSON”, fazendo alusão ao nome do ator, além de incluir na embalagem uma foto dele no famoso filme “Coração Valente”.
À princípio, Mel Gibson não aprovou o uso de seu nome nos potes de mel e seus advogados logo enviaram uma notificação à apicultora, solicitando que o nome do produto fosse alterado, sob pena de apresentar um processo judicial contra a mesma.
A questão nos leva a refletir sobre os direitos econômicos que envolvem o nome, tanto o de grandes artistas, a exemplo do Mel Gibson, quanto o nosso, escolhido carinhosamente pelos nossos pais.
 
Para conferir este artigo na íntegra, escrito por nossas advogadas Carolina Caetano e Larissa Pietoso, acesse o site do Migalhas.
Voltar

Últimas notícias relacionadas

9 de novembro de 2022

Brazil: Patent Litigation 2023 – IAM Media

Nosso sócio Claudio Barbosa e nossa advogada Viviane Trojan são os autores do artigo “Brazil: Patent Litigation”, publicado no Global Patent Litigation 2023, pelo IAM. Brazil: Patent Litigation 2023 – IAM Media

Ler notícia

31 de outubro de 2022

A regulação dos influencers na Ibero-América

Nossa sócia Fernanda Magalhães participou do artigo “Influenciadores y su regulación en Iberoamérica”, produzido e publicado pelo Comitê de Direito do Entretenimento A regulação dos influencers na Ibero-América

Ler notícia

15 de agosto de 2022

CPI da Pirataria combate comercialização de produtos ilegais

O comércio de produtos ilegais (piratas e contrabandeados) é uma das principais fontes de arrecadação do crime organizado no país. Além de CPI da Pirataria combate comercialização de produtos ilegais

Ler notícia