Notícias

Na Mídia

15 de agosto de 2018

  • Kasznar Leonardos

Nova lei restringe uso de dados dos consumidores

Após oito anos de discussão, a lei que cria um sistema de proteção de dados no Brasil foi sancionada ontem pelo presidente Michel Temer. A Lei Geral de Proteção de Dados regulamenta o uso, a proteção e a transferência de informações pessoais na internet e fora dela, dando mais poder e segurança ao consumidor. Entre os principais pontos, estabelece que o armazenamento e uso de dados pessoais só poderá ser feito com consentimento do titular dessas informações. As empresas têm um ano e meio para se adequarem à mudança.
 
Mesmo com a aprovação da Lei, algumas partes do projeto foram vetadas, como a criação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados. Sobre esse veto, nosso advogado Pedro Vilhena explicou os impactos e comentou também sobre o projeto de lei para a criação da agência reguladora.
 
Confira a reportagem completa do jornal A Tribuna abaixo.
Voltar

Últimas notícias relacionadas

26 de abril de 2022

Isis Moretti discute herança musical em entrevista ao g1

Nossa sócia Ísis Moretti concedeu entrevista exclusiva ao portal g1 Música, Pop & Arte, abordando as principais questões legais relacionadas à herança musical, além das regras Isis Moretti discute herança musical em entrevista ao g1

Ler notícia

21 de fevereiro de 2022

Fernanda Magalhães discute os desafios do Metaverso no podcast The Shift

Nossa sócia Fernanda Magalhães participou, no último dia 18.01, do podcast The Shift, produzido pelo portal B9. Abordando os desafios e complexidade Fernanda Magalhães discute os desafios do Metaverso no podcast The Shift

Ler notícia

11 de janeiro de 2022

O uso de nomes de terceiros para fins não comerciais

Em entrevista ao Domingo Espetacular, exibido pela Record TV no último dia 09 de janeiro, nosso advogado Rafael Pinho abordou recente disputa O uso de nomes de terceiros para fins não comerciais

Ler notícia